Pasta de Açafrão

O açafrão-da-terra (também conhecido como cúrcuma ou turmérico) é muito utilizado na Índia e famoso por suas propriedades medicinais. Entre todos os seus muitos benefícios, ele é um poderoso antioxidante e anti-inflamatório natural, que tem sua absorção pelo corpo potencializada se combinado com a pimenta-do-reino.

Essa pasta deve ser guardada na geladeira, de preferência em um recipiente de vidro, e consumida em no máximo 3 semanas. Ela tbm pode ser usada em receitas, chás, golden milk ou onde mais vc usaria o açafrão em pó. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Ingredientes:⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

  • 1/2 xíc. de água filtrada
  • 4 col. sopa de açafrão (de preferência orgânico)
  • 1/2. col chá de pimenta do reino

Preparo:

Em uma panela pequena, misture os ingrediente e cozinhe por 7-9 minutos até virar uma pasta. Tome cuidado para não queimar. Espere esfriar e guarde na geladeira.

Que shoyu usar?

Como escolho o melhor shoyu? O que são liquido aminos? E coconut aminos? Muitas perguntas?

O artigo abaixo visa informar sobre as diferenças de cada tipo de molho. Em nenhum momento implico o que você, como indivíduo, deve ou não consumir. Atualmente discute-se muito o risco relacionado ao consumo de grãos transgênicos e glúten, porém prefiro não defender nenhum lado por não ter formação em nutrição. Veja abaixo os prós e contras das opções disponíveis no mercado. Espero que elas te ajudem a fazer a sua escolha. :)

Shoyu

O molho shoyu comum que a gente encontra no mercado é feito a partir de uma combinação de pasta de grãos de soja fermentados, sal, água e trigo. Portanto, o shoyu comum é um condimento alto em sódio e que contém glúten. Além disso, algumas marcas podem acrescentar corantes, aromatizantes, glutamato monossódico e açúcar, que são normalmente listados na composição do produto. No mercado também encontramos a opção light, que contém menos sódio do que a original, e há ainda o Tamari, a opção feita com pouquíssimo ou nenhum trigo, portanto livre de glúten, mas ainda assim consideravelmente alto em sódio.

Além disso tudo é praticamente seguro afirmar que todo o shoyu é feito com grãos de soja transgênicos, a não ser que rótulo indique o contrário.

No Brasil existe a Daimaru, empresa que produz uma opção de molho shoyu feito a partir de fermentação natural de grãos de soja, livre de aditivos e sem glúten. Portanto não sei afirmar se é feito com grãos transgênicos ou não.

Liquid Aminos

Opção livre de glúten e feita a partir de grãos de soja não transgênicos, porém feito a partir de um processo químico e não a partir da fermentação natural dos grãos, como o shoyu tradicional. Pode conter menos sódio do que o normal, mas essa não é uma regra - verifique o rótulo.

Coconut Aminos

Feito a partir da seiva do coqueiro e sal marinho, e posteriormente envelhecido naturalmente, é um condimento excelente como alternativa para o shoyu. Provavelmente o mais saudável de todos. Livre de soja, livre de glúten e mais baixo em sódio que as alternativas anteriores. Vale o investimento durante uma viagem pra fora do país.